Get the app!

Post offline and never miss updates of friends with our free app.

FindPenguins for iOS FindPenguins for Android

New to FindPenguins?

Sign up free

  • Day4

    Acordei ainda nao eram 6h da manha para ir na viagem de barco ate á pequena ilha. O pequeno almoco ainda nao era possivel tomar, mas depois de algumas caras feias por parte das empregadas e alguns sorrisos nossos la conseguimos comer algo á pressa.
    O bus chegou vazio para nos apanhar, mas depressa ao passar por mais 3 ou 4 hoteis encheu. Fizemos mais ou menos 40 minutos de caminho ate a uma pequena marina em Williamstead onde estava o catamaran que nos ia levar a ilha. O barco era enorme para as quase 50 pessoas que iam na viagem. O Comandante fez um pequeno discurso sobre a viagem e foi nos servido o pequeno almoço. Uma verdadeira seca de breakfast, a começar pelo pão. Foram quase 2h de viagem por um mar mediamente picado, com um sol maravilhoso, intercalado com agua que vinha das ondas. Já nao me lembrava de como é bom velejar desde á 2 anos nas ilhas Virgens com a Gloria.
    A tripulação era super simpatica e foi falando conosco durante a viagem. Chegamos perto da ilha e ancoramos. Quem quis foi de dingo, quem n quis saltou p dentro de agua e já de barbatanas e mascara começou o snorklin. Confesso que ainda vacilei, porque eu e o fundo do mar é aquela base, mas depois la respirei fundo e fui. Claro que depois de ter estado nas ilhas virgens britanicas que pareciam um aquario gigante, estar ali claramente n era novidade. Agua azul turquesa, peixes incriveis, cardumes de peixes que numca tinha visto, nadar c uma tartaruga a menos de 5 metros e vela a vir ao de cima e voltar a descer é uma sensação indescritivel. Já tinha visto tartarugas gigantes no mexico por baixo de mim mas paradas, nao acompanhalas no seu nadar... brutal!
    A ilha nao tem rigorosamente NADA! Nao é habitada, e a unica coisa que tem é um barco encalhado e um antigo farol. De resto, lagartos e piso arenoso com fartura. A praia é deslumbrante sem duvida, mas pelo mar e a vida marinha. Ate ao 12h30 andei a vaguear a descobrir a ilha, a fazer snorklin, a tirar fotos. Depois regressamos ao barco para um belo dum churrasco a bordo preparado pela tripulação! O bar era aberto por isso sera escusado dizer o que aconteceu. 😂 Depois de almoço, voltamos para a praia para mais 2h de descanso e snorklin e velejamos de volta a Williamstead. Uma colega minha nao se sentiu bem na viagem de regresso, e como n a queriamos deixar sozinha na marina e o condutor do bus nao quis esperar basicamente ficamos as 3 sozinhas em Williamstead! Compaixão caribena ao seu mais alto nivel! Depois de mais 2 ou 3 Polares, o Sam, um dos rapazes da tripulação foi super amavel e levou nos ao hotel! Afinal ainda existe amizade no Caribe. Ou nao: visto que ele é born and raised em Curacao, mas a mae era libanesa! Muslam rules i think!!!! Chegamos claramente bem depois do resto dos meus colegas ao hotel! Estavam todos enfiados dentro do mar na praia a espera talvez do melhor por do sol que eu alguma vez vi na vida. Sera escusado dizer que todos os nossos planos para nessa noite irmos dançar bachata para um bar local foi completamente adiada porque mal comemos caimos na cama com o cansaço.
    Read more

  • Explore, what other travelers do in:
  • Day1

    A diferença horaria de 5h do Caribe para Lisboa acaba comigo.
    Acordei ainda n eram 6h da manha e já nao dava para ficar mais na cama.
    Levanteime e fui dar á perna pelo hotel, até porque a vontade de relembrarme do azul do Caribe era enorme.
    Depareime com um arco iris gigante que parecia que entrava para dentro do mar para me dar os bons dias!!
    O dia começou logo bem.
    Tomei o pequeno almoco sozinha e troquei umas impressoes com os empregados do hotel que me deram a conhecer uma fruta local do tipo de um Passionfruit que me fez sorrir novamente! 🍑
    Os meus colegas acabaram por chegar e decidimos alugar um carro e explorar as praias da ilha.
    Fomos direitos a Kenepa Grandi. Praia linda. Pequena e com um azul que nem precisa de filtro para a 📷do instagram.
    Era impossivel sair da agua...
    Corais ja em rocha lindos, cactos que da vontade de levar para casa, paisagem de cortar a respiracao!
    A temperatura da agua é o que se esperava.
    Comi uma arepa feita por um local cheia da gordura que desfarcei com 1 cerveja 😂
    Fomos almocar a um restaurante de uns holandeses e as pinacoladas deixaram-nos sem vontade para grande coisa mais!!
    Fizemos um pitstop na Beach Lagoon ainda para mais um mergulho e umas bracadas de snorkling! Vi alguns peixes mas o Nelson ainda bateu o olho numas tartarugas. Já nao fui a tempo.
    Regressamos ao hotel e comemos algo por aqui.
    Amanha o dia vai ser longo em klein curacao.
    Read more

  • Day1

    Mais uma semana de voos.
    Desta vez vim para Sao Paulo. Adoro esta cidade. Super cultural. Sempre cheia de situacoes que despertam toda a minha atencao e o meu gosto por tudo o que é Arte. Estava imenso calor e durmi muito pouco a estadia inteira. Fui dar umas voltas pela Oscar Freire e mostrar a Marta os highlights da cidade.
    Almocamos no Cafe Amsterdam que um amigo me indicou e o empadao de Palmito estava maravilhoso.
    Fomos jantar ao Unique Hotel, ao Skye. TOP TOP TOP!
    Talvez dos sitios mais giros em que estive no Brasil 🇧🇷 e super trendy. Basta dizer que o Baile de Carnaval da Vogue este ano ocorre la! Conhecemos 2 miudas Paulistas super bacanas e fomos sair c elas para um bar de musica ao vivo com uma banda de covers muito fixe. Chamava-se Ki'aora e a noite foi memoravel! 😂 No dia seguinte fomos almocar ao ja habitual Sushimar 🍣 que faz sempre as delicias de qualquer assistente ou comissario que chega com fome dum voo!
    Andamos a vaguear um bocado pela Paulista e o tempo era curto para nos aventurarmos para mais longe.
    Sucos e Bolatos foi aquela dose certa antes do voo, com o mega suco detox para ver se me esquecia um bocado das tequillas com a Renata 😁👌
    Read more

  • Day11

    Farmers Market é uma zona central de La com uma rua super charmosa. Restaurantes fantásticos, lojas topo e recantos a não perder. Vagueamos um bocado pela rua e acabamos por almocar numa esplanada muito gira mesmo na rua principal. Comemos a super alcachofra grelhada e a bela da Corona. Alias a ultima da viagem 😩vimos umas lojas e voltamos para o carro onde pagamos mais 18 dollars de parque.
    Fomos a Little Tokyo e ficamos tristes de nao almocar ou jantar por aqui. Esta cheio de lojas daquelas que me fazem repensar o uso do cartao de credito e restaurantes de fazer crescer água na boca. Fomos ver a exposicão dos Ramones ao museu dos Grammys. Foi brutal!
    Ainda passamos na marina del Rey mas estava tudo muito escuro já e os restaurantes nao pareceram acessiveis. Levei a Gloria ao taco bell antes de irmos para o aeroporto. Fomos com tempo de sobra e ainda bem, porque uma distancia que se faz em 15 minutos de carro fizemos em 2h. Este transito é infernal e fazme nao querer voltat tao cedo.
    LA está mais que visto.
    Temos voo á 0h50 e só chegamos a Ny ao 12h30. Ja cheira a fim de ferias....
    Read more

  • Day10

    Se ha coisa na vida que me faz feliz sao Parques Temáticos! Pareço uma pita. Fico mega excitada só de pensar em loopings, casas do terror, suo das maos mas nao quero saber! Vou a todas!
    Fomos para o Universal Studios bem cedo. Nao fizemos nenhuma montanha russa daquelas de engolir em seco mas deu para curtir. A Gloria ainda foi escolhida lá em uma atração o que deu p rir. Eu e a plateia toda que assistiu a tal momento 😂 foi o dia de shit food! Pq o preço do bilhete é puxadote.
    Á noite o Universal Studios abria versao Halloween Nights. Ficámos naquela se iamos ou nao. Mas como nao saimos á noite em La, nao fiz aula nenhuma nem fui ver nenhum concerto, resolvemos pagar o bilhete da noite para nos irmos borrar todas para os varios Mazes baseados em filmes de terror que o parque apresentava. 😬😬😬
    Desde nos deixarem fora do parque com dezenas de palhaços assassinos com simulacoes de serras electricas, a labirintos cheios de freddy Kruegers e Jasons, a personagens maquiavelicas pelo parque todo..... e por ai fora. Foi um suar de mãos durante horas. Mas valeu a pena. Foi INCRIVEL! Para quem nao tem medo destas coisas e consegue suportar a adrenalina a subir aconcelho mesmo a nao deixar de ir porque vale os 80€ que pagamos.
    Amanha é o ultimo dia. Temos de aproveitar.
    Vou dormir
    Read more

  • Day10

    O hotel é porreiro. Fica a uns 40km do centro mas pelo que estamos a pagar compensa ficar na Brandoa cá do sitio. Começamos o dia com o Walk of Fame, no starbucks claro. A Gloria deixou o tlm no cafe e passado 20 mins lembrouse. Voltamos atras e por incrivel que pareça tinha sido guardado por um sem abrigo meio spooky que tinhamos rido durante o pequeno almoco. Liçao do dia: quem vê caras nao vê coracoes mesmo! :) Nesta chamada rua das estrelas, vimos colocarem a estrela do Donald Trump ( sabe-se lá pq! ). Soubemos tb que eles pagam 700 mil dollars para ter uma estrela com o nome aqui. Se fosse mais em conta ate metia o meu! Hhaha só que nao.
    Fomos fazer uma tour pelas casas dos famosos ( secaaaaa!) mas ajudou a arejar pq o calor por aqui está infernal.
    De tarde fomos andar uma beka de skate para Venice Beach. Conhecemos o Carl durante a caminhada. Um ex piloto reformado da SAS que nos pagou gentilmente uma garrafa de Chardonnay enquanto nos contava a historia de vida dele. By the way, ainda pensamos que ele queria se ver livre da bebe de 11 semanas que trazia, quando nos pediu p tomar conta dela enquanto foi ao wc. Mas nao. Encenamos mais um filme do costume 😂 tentamos ir ver o concerto do Kanye West ao The Forum. Mas o parque era quase o preço do bilhete. Fomos para o hotel.
    Read more

  • Day9

    Chegamos a LA quase ao anoitecer.
    Fomos a correr para o Palisades Park em Sta.Monica onde tinha visto ser dos melhor por do sol desta viagem!
    Mais uma vez pagamos uma exurbitância de parque de estacionamento. Quase tao caro como andar numa das atracoes do parque. Curtimos uma beca a montanha russa muito fraquinha e vimos uns pseudo bailarinos a dançar por dinheiro. Fomos direitas ao hotel que ainda ficou longe... como tudo por aqui da-me a sensação.Read more

  • Day9

    O sol acordou e eu tambem. Hoje sintome bastante melhor. A minha companheira faz de tudo para que o dia seja em pleno e depois de uma passagem pelo Starbucks e um granda cafe vamos fazer a praia de Sta. Barbara de skate duma ponta a outra. Ja tinha saudades disto!

  • Day8

    Já se sente Los Angeles ao longe!
    Estamos esfomeadas outra vez. Paramos para almocar em Malibu. A melhor refeicao da viagem! Comemos quase com um pé na areia e a conta dava vontade de fugir sem pagar. Ainda falamos nisso, mas estar presa aqui confesso que nao faz parte dos nossos planos de viagem!
    Comi uns mexilhoes com batata frita divinais! E um Chardonnay que fez chorar a rir já nem me lembro bem porque!Read more

  • Day8

    Acordei e numca me despachei tanto depressa nesta viagem para sair de um hotel. Homestead hotel da me arrepios!! 😬fomos ate ao centro de San Luis Obispo para ver o BubbleGum Valley. Nao é nada mais nada mesmo que um beco completamente preenchido nas paredes de parilha elastica! Devéras original! Claro que deixamos a nossa marca com a sorte de eu ter 2 pastilhas na mala para marcar tal local. Starbucks conosco, como sempre, e rumamos a Santa Barbara. Chegamos pela hora do almoco completamente esfomeadas e fomos comer no Steir Wharf, o porto lá do local. Hoje foi um dia complicado e como tal fomos para o hotel de seguida e depois de horas de conversa e muitos Chesterfields apagados lá adormecemos.Read more

  • Day7

    A noite de Sao Luis Obispo foi provavelmente a pior noitede toda a viagem. Para compensar os 200 dls que pagamos a noite anterior eu resolvi fazer o booking de um Motel de beira de estrada. Juro para numca mais! O sitio era tirado dum filme de terror daqueles cheio de mortes e sangue! A recepcao era escura e sem
    Ninguem e para aparecer tinhas de tocar a campainha ( mesmo a filme de terror). La apareceu um sr. Indiano muito simpatico de Goa mas com ar duvidoso. O quarto era o 115 e numca mais me ei de esquecer de tal experiencia. O cheiro era horrivel, uma mistura de pó, com sujo... pessimo! Tinha um bocado de pizza de nao sei quantas semanas ao lado da minha cama que mais parecia a cabeca de um hamster ( ate hj fico sem saber o que era porque nao lhe toquei) as portas tinham murros marcados ( sabe-se la porque) ao lado da cama da gloria havia sujidade na parede aos montes ( ate hj ninguem conseguio identificar) e para finalizar a situacao fui completamente mordida ( outa vez, depois da saga em NY) por bed bugs aka percevejos. Nao durmi absolutamente nada, e mudeime para a cama da Gloria completamente vaporisada de anti insectos! A unica coisa boa desta noite foi o bar que fomos antes desta saga com algumas 50 cervejas diferentes em que te davam uma pulseira magnetizada e que podias servir o que querias que pagavas ao centilitro FUCKING PARADISE!Read more

  • Day6

    Monterey fazia sol logo pela manha.
    Acordamos e tomamos o pequeno almoco no hotel e enchi a barriga de waffles.
    Fomos logo para o centro da cidade ver o Fishermans Wharf. A Gloria nao achou grande piada ao local, mas eu confesso que as lojas/restaurantes que mais parecem saidas dum parque tematico da Disney me dá uma certa graça. Vagueamos pelas ruas de Cannery Row. Nada de especial. Voltamos a pegar no carro e fomos em direcao á 17 Mile Scenic Drive. Pagamos 10 dollars para fazer uma estrada cheia de spots junto ao mar que mais parecia o Guincho. Os tugas nao sabem mesmo fazer dinheiro. 🙄 Esta estrada acaba em Carmel by the Sea. Uma vila linda de morrer, com casas lindas viradas para o mar. Um autentico paraiso! Era impossivel nao parar dezenas de vezes nesta altura da viagem porque cada lugar surpreendia o outro. Paramos no Big Sur para almoçar. Mais uma vez metade ficou no prato. Acho que ainda n entendemos o quanto uma dose de comida aqui chega para as 2.
    A praia secreta em Julia Pfeifer State Park é qualquer coisa digno de um filme dos anos 80 em que adolescentes ficam presos na ilha. O mar é de um azul turquesa impressionante com uma cascata linda. O acesso é proibido. Restou-nos tirar varias fotos de cima. Ainda mandei uma tableta de perigo pela ribanceira abaixo. Um chines ficou a olhar p mim. Nao entendi bem se ele queria que me atirasse para ir apanhar a placa! 😂
    Read more