Guinea-Bissau
Guinea-Bissau

Discover travel destinations of travelers writing a travel journal on FindPenguins.
Travelers at this place
    • Day 11

      Bijagos

      March 24 in Guinea-Bissau ⋅ ☁️ 29 °C

      Es geht Richtung Paradies. Die Bootsfahrt zu einem vorgelagertem Archipel stellt sich als sehr holbrig heraus. Im Endeffekt schippern wir auf einer Nussschale für 2 1/2 Stunden durch das offene Meer. Die Wellen schlagen chronisch über die Seiten und gefühlt bin ich nass und kalt für ewig. Ansich nicht schlimm. Jedoch säuft mein Pass leider irgend wann ab. Es ist so ein Ding mal wieder. Mein Rucksack und mein Portemonnaie bleiben trocken. Der Pass jedoch ist ein Match. Na klasse nach 7 Jahren ist er durch mal schauen was das noch so wird.

      Die Bootsfahrt wird schön sobald man näher an die Insel kommt. Man kann Affen, Delfine und ganz viele Vögel sehen. Es ist unglaublich grün. Die Vögel bauen hängende Nester in die Bäume und es gibt Cashew Bäume.

      Eine Tour über die Insel ist spannend wobei die zwei Siedlungen an dennen wir vorbei kommen doch sehr chancen loss aussehen. Also es ist ein nebeneinander von Paradies, Luxushotels und Armut.

      Ich ess viel Fisch den ich nicht kenne und der unglaublich vielfältig ist :) zur Anlage welche mehr oder weniger nur mit einem Boot erreichbar ist gehört ein privater Strand. Ist schon eher top 3 fancy Unterkunft in der ich bisher so war und harter Kontrast zum backpacking life.
      Read more

    • Day 15

      Rückweg nach Bissau

      March 28 in Guinea-Bissau ⋅ ☀️ 30 °C

      Boah hier geht's ab. Es gibt eine öffentlich Fähre zurück zum Festland. Noch nie etwas so schlecht organisiertes gesehen. Für 3 Stunden wird praktisch über ein Steg ein komplettes Schiff entladen. Es wird vom Grill über Besteck Bier zelte Matratzen alles an einem vorbeigetragen. Jetzt haben wir eine Stunde Verspätung aber immerhin eine Ziege mit am Board. Das Boot kommt ursprünglich aus Griechenland aber es fühlt sich ein bisschen an als Mischung zwischen Normandie und Jurasik ParkRead more

    • Day 14

      Bijagos Teil 2

      March 27 in Guinea-Bissau ⋅ ☀️ 30 °C

      Paradies. Man ist im Wasser und die Fischschwärme umkreisen einen. Die Vögel bauen ihre Nester in die Bäume, viele Eidechsen. Viel mit dem Kajak oder dem SUP unterwegs. Zuschauen wie Vögel die Fische aus dem Wasser fangen. Schweine am Strand. Es gibt immer wieder riesige Vogelschwärme die Synchron starten. Seele baumeln lassen. Sternenhimmel. Vollmond.

      Jetzt kam noch ein Highlight, beim Mittagessen lass ich den Blick schweifen und es sind einfach Delphine am Start. Vielleicht 30 Meter weg und schwimmt gemütlich vor sich hin und her. Sehr schön so zu sehen.

      Hier auf den Insel ist der Standard jetzt wie in Thailand vor vielleicht 50 Jahren. Bungalow am Strand. Also hier auf der Insel auf der Insel gibt es sonst keine Touristen man kann in vielleicht einer Stunde gemütlich umrunden. Das ist irre.
      Read more

    • Day 3

      Restaurante Gã Mela

      February 25, 2023 in Guinea-Bissau ⋅ ☀️ 36 °C

      Quando o Benji acorda, bebe leite num copo de vinho, é o único copo que temos no quarto e ele acorda com tanta fome ou pelo menos com tanta ansiedade para comer que não conseguimos esperar até chegar ao pequeno almoço.
      Esta manhã ficamos só a passear pelo jardim do hotel.
      Á hora de almoço com 35 graus na rua e sem chapéus apanhámos um taxi para o restaurante Gã Mela, para apanhar o táxi temos que fazer um pequeno percurso de uma rua de terra batida com uma água de esgoto a passar pelo meio e uma cabra a tentar encontrar umas ervas perdias. O táxi é partilhado e custa 45centimos por pessoa a primeira coisa barata desde que chegámos.

      Tínhamos recebido um recado de que, teríamos que estar ás 17h no orfanato, não foi bem um convite. Depois da sesta do Benji fomos com o Mussa para o orfanato, a meio do caminho parámos a beira da estada para comprar um telemóvel (era uma prenda que o Mussa estava a comprar) e um cartão SIM para o Valentim.

      Chegados ao orfanato, o pai biológico e a tia do Benjamim estavam a nossa espera. Afinal o telefone era para o pai biológico.
      Ele queira saber se o Benjamim estava feliz e se nós éramos católicos.
      Falei um pouco de religião com ele. Tivemos também com a Francisca dona do orfanato, queríamos deixar duas garrafas de vinho para o ministro que nos tinha ajudado no processo, mas a Francisca ficou logo com uma das garrafas para ela como que retida na alfandega. Nem sei se a outra vai chegar a bom porto.

      Estivemos a confirmar todos os papeis com o advogado para a segunda feira que deverá ser mais um dia em cheio.
      Antes do jantar tentei dar banho ao Benji mas ele teve medo do duche. Fez um drama enorme e acabei por lhe dar banho no meio da casa de banho, eu sentada no chão e ele ao meu colo. Estava toda vestida porque nem consegui que ele me largasse para me despir, pelo menos saiu lavado.
      Read more

    • Day 13

      Bubaque

      March 7, 2023 in Guinea-Bissau ⋅ ☁️ 26 °C

      Não devíamos porque o dinheiro está curto, porque está estadia prolongada está a dar cabo do orçamento mas a verdade é que não aguentamos ficar presos no hotel em Bissau. Decidimos passar dois dias numa ilha em Bubaque. Uma pequena fortuna mas vamos esquecer esta parte.

      O transfere veio nos buscar ao hotel ainda tínhamos que levantar dinheiro. Que filme. Quase todos os multibancos do centro de bissau estavam em manutenção, a cada banco o Valentim saia e eu tinha que ir atrás com o Benjamim ao colo aos gritos as espernear porque não pode estar longe nem de mim nem do Valentim. Conseguimos finalmente levantar dinheiro com o Benjamim aos berros como se o mundo ia acabar e fomos para o Porto. Mais uma birra do fim do mundo porque quer ficar ao meu colo, mas quer que eu esteja de pé. Claro que depois de tanto tempo a espernear se os meus braços não aguentavam. Temos que deixa-lo gritar com muitos olhares reprovadores que pouco interessam.
      A viagem de barco durou quase 2 horas, com o pequeno Benji a portar-se mais ou menos bem. Mas não durou muito porque chegado a ilha foram so birras atrás de birras. Ou porque me afastei de 2m, ou porque não lhe deram colo, ou porque a erva pica ou porque sim.
      Chegámos a um sítio paradisíaco, no lodge le Dauphin, mas quase que estou com dificuldade de apreciar com tanta birra. Vio pela primeira vez o mar, os barcos a piscina mas ainda assim não parecia muito espantado. A piscina teve que ficar agarrado a mim quase o tempo todo e com as unhas cravadas nas minhas costas porque ainda não tivemos coragem de as cortar.

      No meio disso tudo ainda apanhei um escaldão no barco.
      Read more

    • Day 14

      Praia da Anchaca

      March 8, 2023 in Guinea-Bissau

      Este foi sem dúvida o melhor dia desta viagem, nestas ilhas paradisíaca, com muito pouca gente, uma comida incrível. O Benji feliz, a dar os primeiros passos no mar.
      Tem medo da areia mas há de se habituar.
      Fomos passar a manhã à praia da Anchaca, onde almoçámos para regressar ao lodge na hora da sesta.
      Read more

    • Day 8

      Porto Bissau

      March 2, 2023 in Guinea-Bissau ⋅ 🌙 25 °C

      Já está a ficar difícil inventar coisas para fazer nesta cidade quente que nem um porque tem.
      Já chamamos piupiu aos morcegos e abutres e fazemos passeios no parque de estacionamento para ver os carros. Tentamos ver o mar que está bloqueado pelo porto, demos alguns passeios pela cidade apesar no calor. Mudámos fraldas na rua e de pé porque as casas de banho não têm condições.
      Apanhámos taxis partilhados para andar de um lado para andar de um lado para o outro. Custa 45centimos por pessoa e deve ser a única coisa em conta neste cidade.
      Read more

    • Day 10

      Chinelo no pé

      March 4, 2023 in Guinea-Bissau ⋅ 🌙 25 °C

      Foi só mais um dia de espera. Em que fizemos exactamente o mesmo percurso que ontem. A única diferença é que o pequeno Benji se portou muito melhor.
      Já anda de chinelos de um lado para o outro, só falta mesmo os calções que ele tira no meio da rua.Read more

    • Day 15

      Crise na embaixada

      March 9, 2023 in Guinea-Bissau ⋅ ⛅ 26 °C

      Sabíamos que não ia ser um dia fácil, mas pode sempre ser pior. Acordámos cedo, tínhamos o pequeno almoço na ilha a ver o nascer do sol entre a vegetação. Apanhámos a lancha as 8h e antes das 10h estávamos em Bissau. O Benji até se portou bem apesar da seca.

      Fomos diretos á embaixada já que só tínhamos duas mochilas. Uma hora de espera pela doutora, num sítio onde não se pode fazer muito barulho com uma criança de 2 anos. Quando finalmente sua excelência chega, informa-nos que precisávamos de uma autorização do pai biológico para poder viajar, que já sabia desde ontem, mas esqueceu-se de avisar. Caiu tudo, ora se temos poderes totais sobre a criança o que podemos pedir ao pai biológico que já não tem voto na matéria?
      Pensávamos nós que o Mussa teria essa autorização, seguimos a pé para o ministério onde supostamente teriam essa autorização. Uma vez lá, já no gabinete no senhor Júlio, com o Benji a fazer crises por tudo, porque queria abrir os armários, puxar os fios dos pcs, lá chegámos a conclusão que afinal não tinham essa autorização do pai, porque segundo eles não era necessário e que podiam enviar um email a embaixada a informar que já não fazia esse tipo de autorização porque não viam a necessidade, uma vez que já tínhamos todos os poderes. Se realmente fosse necessário, teríamos que ir buscar o pai biológico para morava fora de Bissau e podíamos não conseguir isso tão cedo.

      Vamos nos recambiados para a embaixada. Mais uma hora de espera, a encher o Benji de bolacha Maria. De repente a fralda estava tão cheia que já havia xixi no chão. Ora não havia casa de banho na embaixada segundo nós informaram, mas também não podia deixar o puto assim. Já estamos habituados a mudar as fraldas em pé, foi só mais uma. Mas com o Benji aos berros, já estava cansado, farto, cheio de bolachas. Mesmo de fralda mudada não havia forma de o acalmar. Quando nos informaram que a sua excelência tinha voltado. Subi para a recepção para falar com ela, ao que ela pergunta porque é que ele está a chorar que ele era tão caminho.
      "Está com sono e cansado de estar aqui a muitas horas" respondi.
      "Não, não pode ser isso" disse ela.

      Sai porta fora, tira o Benji dos braços do Valentim. Ele nos braços de estranhos acalma-se logo, fica meio apático. Ao que ela fica toda contente. "Vem a avó"
      Acabamos por entrar na embaixada por outra porta a apresentar o Benji às pessoas da embaixada, a dizer que já estava mais gordo que era da cerelac que ela tinha recomendado (que não demos obviamente). Queria lhe oferecer bolo, quando ele começou a ficar cansado do colo dela e foi para outra senhora que tinha um yogurt para ele.
      Tivemos finamente uma janela de oportunidade para explicar que não era preciso a autorização do pai biológico, no meio de várias conversas acabou por fazer um telefonema e confirmou que não seria necessário, mas que precisava a mesma de um email do ministério a dizer que não era preciso.

      Começou aos beijos ao Benjamim para depois dizer: " Eu acho que ele está com febre".
      Foi aí que me desmanchei. Também gostávamos de poder levar ao médico, estar em casa teríamos outras condições e que estava a ser difícil. Vieram me as lágrimas, tive que sair para me recompor.
      "Mas difícil porquê?" Perguntou.

      Por não ter uma casa, uma cozinha, a comida dos restaurantes é muito salgada.
      "Mas em Portugal também vai ser difícil" respondeu.
      Eu tenho que manter a calma mas por dentro estou com uma raiva enorme. Em Portugal, também será difícil mas temos apoio, casa, cozinha.
      Dizia ela, "Tenho mesmo que ir porque tenho muita gente para atender"
      Mas continuava lá a dizer parvoíce e a cuscar, quanto é que teríamos pago pelo processo de adopção...

      Ainda temos esperança que amanhã tenhamos o visto apesar da probabilidade ser baixa.
      Read more

    • Day 11

      Jogo de futebol

      March 5, 2023 in Guinea-Bissau ⋅ 🌙 24 °C

      Cada dia uma pequena vitória, hoje o Benji para além dos sapatos já está de calções outra vez e já gosta de c andar a pé. Aos poucos vamos conseguindo lavar os dentes também não é tarefa fácil. Quando perguntas quanto os anos tens já sabe fazer dois. Começa a perceber cada vez melhor os português e nós vamos começando a perceber o que ele tenta dizer.
      Já depois da sesta fizemos uma v linda caminhada (quase um km), almoçamos novamente no papa louca. O Benji já está tão apegado que começa aos berros quando com a casa de banho o que é sempre difícil de gerir. Já que não há nada para fazer fomos ver um jogo de futebol, o bilhete de entrada custava 90 cêntimos por pessoas, as crianças não pagavam. Claro que só vimos 30 min do jogo, porque o Benji começou a descer as escadas sozinho para mostrar que queria ir embora e nós fizemos lhe s vontade.
      Read more

    You might also know this place by the following names:

    Republic of Guinea-Bissau, Guinea-Bissau, Guinee-Bissau, Gini Bisaw, ቢሳዎ, غينيا بيساو, Guinea-Bisáu, Qvineya-Bisau, Гвінея-Бісаў, Гвинея Бисау, Gine Bisawo, গিনি-বিসাউ, གྷི་ནི་ཡ་བིས྄་སོ།, Ginea-Bissau, Gvineja-Bisao, Guinea Bissau, Gini-Bisao nutome, Γουινέα-Μπισάου, Gvineo Bisaŭa, Guinea-Bissáu, Ginea Bissau, گوینیا-بیساو, Gine-Bisaawo, Guinée-Bissau, Guinê-Bissaou, An Ghuine-Bhissau, ગિની-બિસાઉ, Gini Bisau, Gvineja Bisau, גינאה־ביסאו, गिनी-बिसाऊ, Bissau-Guinea, Գվինեա-Բիսաու, Guinea Bisau, Gínea-Bissá, ギニアビサウ共和国, გვინეა-ბისაუ, Ginebisau, ហ្គីណេប៊ីសូ, ಗಿನಿ-ಬಿಸ್ಸಾವ್, 기네비소, گینێ بیساو, Gyni-Bissaw, Guinea Bissaviensis, Gini-Bisawu, Ginɛbisau, ກິວນີ-ບິສໂຊ, Bisau Gvinėja, Nginebisau, Gvineja-Bisava, Giné-Bisao, Гвинеа-Биса, ഗിനി-ബിസോ, गिनी-बिसाउ, Ginea-Bissaw, Gini-Bitau, Guinèa Bissau, ଗୁଇନିଆ-ବିସାଉ, Gwinea Bissau, ګوينې بېساو, Guiné Bissau, Gineya Bisawu, Гвинея-Бисау, Gninëe-Bisau, Gvineja Bissau, Gini-Bisaaw, Гвинеа-Бисау, கினி-பிஸ்ஸாவ், గినియా-బిస్సావ్, Giné-Bisau, กินีบิสเซา, Kini-Pisau, Gine-Biso, گۋىنېيە بىسسائۇ, Гвінея-Бісау, گنی بساؤ, Ghi-nê Bít xao (Guinea-Bissau), Gineyän-Bisauän, Orílẹ́ède Gene-Busau, 幾內亞比索, i-Guinea-Bissau

    Join us:

    FindPenguins for iOSFindPenguins for Android