September - October 2016
  • Day16

    Arugam Bay, Sri Lanka

    October 15, 2016 in Sri Lanka ⋅ ☀️ 23 °C

    A minha irmã levantou-se cedo para passear na praia e ver os pescadores a puxarem as redes, infelizmente só fui ter com ela mais tarde.

    Viagem de regresso ao aeroporto:
    Imaginem que estamos de carro a perseguir um tipo de mota no meio de curvas e contracurvas em que vale tudo
    Ultrapassagem em curvas com autocarros e camiões de frente.
    A chuver e derrapar... Já derrapamos um pouco numa travagem brusca
    Os que vêm de frente que se desviem, se quiserem
    O melhor é irem para a berma.
    E se não se desviarem levam com apitadelas...
    Esta viagem a caminho do aeroporto com a minha coluna a aguentares e dar música, até passou rápido, foi melhor que uma montanha russa de 7h30. A ultima parte do percurso de noite ainda foi mais impressionante porque com as luzes das razias dos carros que vêm de frente ainda parecem mais perto, tendo em conta que andamos quase mais tempo na faixa contrária de rodagem.

    Chegamos ao aeroporto 1h30 antes do tempo previsto, tínhamos o voo no dia 16 às 01h30
    Read more

  • Explore, what other travelers do in:
  • Day15

    Arugam Bay, Sri Lanka

    October 14, 2016 in Sri Lanka ⋅ ☀️ 13 °C

    História do dia: hoje compramos pastéis, rissóis ou algo parecido e fomos a praia, não dava para surfar porque nem havia ondas.
    Entretanto com o calor a minha irmã foi nadar e tirar umas fotos a excursão de Sri Lankeses.
    Eu acabei por ir á água também e fiquei a falar com uns surfistas para saber se havia outro sítio que poderia estar bom para surfar. De repente a minha irmã chega a correr e diz: "fomos assaltadas".
    O pior era mesmo o telefone, olhei repentinamente para a direção onde tínhamos as coisas e mais de 10 corvos e um cão tinha destruído o nosso saco de comida, espalhado a comida em cima da nossa roupa e das nossas toalhas e lá estavam bem instalados a comer e a manchar a minha tshirt branca.
    Á noite, último dia, a minha irmã perde o cartão multibanco.... Andamos a dar voltas por toda o lado, perguntar nas lojas, até chegarmos á conclusão que tínhamos que ligar para a caixa geral de depósito. Cartão cancelado :-)
    Read more

  • Day14

    Arugam Bay, Sri Lanka

    October 13, 2016 in Sri Lanka ⋅ ☀️ 25 °C

    Apesar da noite bem dormida hoje andar, subir e descer nem que seja um degrau pequeno custa.
    Precisávamos tanto de uma massagem que fomos apanhar um tuk tuk para levantar dinheiro e ir a massagem. O motorista perguntou se podia por música, como dissemos que sim, meteu Aqua aos altos berros ( música que ouvia quando tinha 14 anos), senti me tão bimba a passar pela vila a dar essa música para toda gente ouvir.
    Recebemos uma massagem, até a massagem custou quando passava mas pernas. Andamos as duas coxas... Não fizemos nada e mesmo assim só fomos a praia já eram 15h30.
    A praia é brutal, muito conhecida pelo surf apesar de estar pequeno. Numa zona da praia as ondas estão prefeitas mas não consigo entrar as pernas não me deixam, mal consigo andar, fui dar um mergulho mal conseguia nadar. Granda castigo.
    A ideia inicial era virmos para cá e seguir para Ella para estarmos mais perto do aeroporto.
    Read more

  • Day13

    Hatton, Sri Lanka

    October 12, 2016 in Sri Lanka ⋅ ☀️ 14 °C

    Em vez de nos levar diretamente para o hotel, o motorista quis nos mostrar a beleza da região. Eu de qualquer forma não estava a conseguir dormir na carrinha ao contrário da minha irmã.
    Toda essa zona é duma beleza incrível, como se tivesse sido desenhada para um parque de fantasia.

    A viagem para Arugambay durou 9h. Paravamos mil vezes ou porque o motorista estava preocupado com a carrinha que vertia óleo, ou porque ele queria comprar chã, ou queria comprar fruta, ou pastéis, ou queria nos mostrar uma cascata.
    Sei lá, nunca parei tanto numa viagem. A minha irmã dormiu a maior parte mas eu não consegui. O motorista trouxe um amigo para estar na conversa para não se deixar dormir e não se calou.
    Read more

  • Day13

    Adam's Peak

    October 12, 2016 in Sri Lanka ⋅ 🌙 18 °C

    Depois do sol nascer, a descida revela se muito pior que a subida, os joelhos iam sofrer muito mais e a ao altura dos degraus ia ter um peso grande.
    Começamos a descer com um bom ritmo apesar dos joelhos muito frios do tempo que tínhamos ficados parados, a beleza da paisagem é de cortar a respiração, a luz da aurora na vegetação no meio da qual passávamos incomparável.
    A meio da descida as pernas começam a falhar, o teu corpo deixa de mandar nelas... O percurso final com uma inclinação ligeira que tinha sido tão fácil na subida pareceu interminável... Paravamos para tirar fotos só para dar tréguas as pernas. Cada passo que dás é uma vitória, a única coisa que ainda nos deixava motivados era que mais nenhum grupo nos ultrapassava apesar da lentidão e do caminho interminável.
    O norueguês atingido pela fome, disse que preferia correr até la baixo e abandonou nos. Era incapaz de acelerar o passo, nem eu nem a minha irmã e o outro alemão.
    Demoramos quase 2h30 para descer, mas pareceram muito mais.
    A meio da descida propus á minha irmã pagar um táxi para iremos para Arugambay. Na chegada, o nosso motorista até gozava com o nosso andar, estávamos todos coxos. Pedi-lhe então para nos levar para Arugambay, só tínhamos que ir para o hotel comer o pequeno almoço arrumar as malas e seguir caminho que segundo ele iria demorar 7h mas poderíamos dormir.
    Read more

  • Day13

    Adam's Peak

    October 12, 2016 in Sri Lanka ⋅ 🌙 19 °C

    Meia hora antes do sol nascer a escuridão começa a desaparecer, alguns grupos vão aparecendo. Sentados nas escadas começamos a ver o céu a mudar de cor, as nuvens baixas não nos tapam a beleza do espectáculo de luzes que não consegue ser representado por fotos
    Meia hora de espetáculo em que um frio e o vento são secundária e á hora prevista o primeiro raio de sol começa a espreitar. Em poucos segundos o sol não é apenas representados por ele própria, mas tem a sua volta em aura gigante que se sobrepõe a ele e que torna esta visão única.Read more

  • Day13

    Adam's Peak

    October 12, 2016 in Sri Lanka ⋅ 🌙 28 °C

    De Kandy liguei para a guest house que tinha reservada para reservar um táxi para nos levar até ao Adam's peak nessa noite. Pelos vistos havia mais um hóspede que queria ir por isso ficou tudo organizado, reservei também o jantar. Depois daquela viagem de comboio, jantamos na Gest house, conhecemos um alemão que viria connosco e um casal de franceses que apenas queria passear pelos lagos. A comida feita pela mulher do dono estava divinal, comemos de mais e fomos dormir logo a seguir.

    Á uma da manha depois de dormir 3h, lá íamos nós a caminho de Adam's peak, tinhamos uma hora de carro pela frente, 1.5 litros de água e nada para comer, o dono do hotel imprestou me um casaco e um frontal, o alemão impestou outro frontal.

    Chegamos ao sopé de Adam's peak onde supostamente iríamos comprar mais água e alguma comida, mas estava tudo fechado, o inglês teria uns frutos secos que poderia partilhar connosco e teríamos que aguentar com a água que tinhamos.

    Só depois de insistir com o motorista que não podíamos subir com a água e a comida que tínhamos, é que ele foi bater a uma porta e conseguiu mais duas águas e uns pães para camanhosa..
    Começamos a subida com o alemão, mas logo nos primeiros 200m achamos que estávamos perdidos porque encontrados umas obras, voltamos para trás tentamos outro caminho, voltamos para trás e encontramos um norueguês que também estava pedido. Perguntou nos qual o caminho ah ah acabamos por ir pelo caminho inicial. Tinhamos mesmo que atravessar as obras por uma descida manhosa.

    O início é fácil, uma inclinação leve poucas escadas, estamos com os dos Gajos com uma ritmo bom, eles até diziam que estávamos muito em forma. Ainda não tínhamos comido, a periodicidade de escadas foi aumentando, os degraus eram enormes para as minhas pernas pequenas e cada degrau tinha o seu tamanho.

    Íamos a um quarto da subida as pernas já ardiam e propus fazer uma pausa para comer e beber água. Sentamo-nos para comer aquela pao horroroso que o motorista tinha arranjado e os frutos secos do alemão. Apagarmos as luzes todas enquanto estávamos a comer, na escuridão da noite as estrelas brilhavam mais do que em qualquer sítio.

    Eu na realidade estava com dor de barriga e pouca fome, como uma paragem de digestão por ter comido muito antes de dormir.

    Voltamos a subir as escadas são cada vez mais acentuadas, as pernas ardem cada vez mais, os corrimões vão permitindo ajudar a subir com a força dos braços, não queremos parar para não custar ainda mais a recomeçar. Também não queria que outros grupos passassem por nós.

    O tempo médio de subida é de 3 horas e tínhamos mais de 3 horas para o nascer do sol.

    Apesar dar dores, o objetivo de chegar ao fim é muito maior.

    Demoramos 1h50 com fazer todo o percurso que tem mais de 5500 degraus.

    Á chegada, comprei uma chávena de chá para cada um.
    Com o suor, todo o corpo estava molhado, apesar do casado, o frio e o vento entravam pela espinha até temeremos.
    Tínhamos mais de uma hora de espera para o nascer do sol.
    A espera não foi fácil tendo em conta o frio, mas passado pouco tempo já estava a partilhar as bolachas de dois alemães que estavam ao meu lado. Á fome nunca morro 😜
    Read more

  • Day12

    United Kingdom

    October 11, 2016 in Sri Lanka ⋅ ☁️ 12 °C

    Num comboio que atravessa as montanhas na escuridão do Sri Lanka, com dezenas de homens provavelmente alcoolizados, tendo em conta o cheiro, a olharem para nós como se fossemos macacos no jardim zoológico, a apontarem para nós, a rir e a comentar numa língua que não entendo. A minha irmã dorme enquanto tendo escrever estas palavras num caderno, neste comboio em movimento até quase parece um barco em alto mar.
    Quando os homens saíram do comboio um senhor veio me dizer que o que eles estavam a dizer não era de todo agradável, que este comboio não era seguro e que foi ele mesmo que disse aos senhores para se irem embora.
    Podiamos ter ido de autocarro, mas eu própria queria fazer este percurso lindíssimo, para o qual aproveitei um quarto da viagem ainda com luz, ou melhor com o pôr do sol.
    Sinto me segura!
    Read more

  • Day12

    Kandy, Sri Lanka

    October 11, 2016 in Sri Lanka ⋅ ⛅ 29 °C

    Seguimos então para o jardim de especiarias onde num mostram cada uma das plantas e explicam qual a utilidade dela, com um creme, óleo, essência ou chá a acompanhar.
    No final ainda fazem uma massagem de 10 min a cada uma, primeiro com um óleo que aquece e no fim com um creme que arrefece o que agradecemos dado o calor.

    Mimosa: a planta do sono, se lhe deres um toque com as mãos numa das folhas, essa folha encolhe se, baixa quase como se fosse dormir.

    A minha irmã comprou vários produtos inclusiva um creme que nunca tinha ouvido falar, para o qual fizeram uma demonstração, supostamente é um creme natural que aplicas durante 10 min no corpo e quando removes, remove-te os pelos todos. Deve ser aplicado 6 vezes uma vez por semana e não tens pelos durante 3 anos. Vou ver o resultado na minha irmã, não tenho muita paciência para isso 😁 e sou um pouco séptica.

    Comprou igualmente um creme para a cara e um óleo para prevenir a queda do cabelo.
    Read more